terça-feira, 15 de setembro de 2015

UM CONTO- A PROFESSORA APOSENTADA

 UM CONTO-  A PROFESSORA APOSENTADA
AUTORIA : Elvercio Valadares
Do livro Poeira  Flor vol I

    Uma sábia e bonita professora que ao se aposentar, cansada da cidade grande, decidiu comprar um pequeno sítio no sul de Minas Gerais, onde iniciou seus cultivos de flores, frutos  e hortaliças, simplesmente como terapia para o estresse dos anos de dedicação ao ensino.
    Seus canteiros verdejantes   e outros floridos chamavam a atenção de toda a vizinhança, e ela, com toda gentileza presenteava seus vizinhos com flores e verduras.
    Numa manhã de domingo um automóvel de luxo estacionou em sua porta e a motorista, uma linda loira se apresentou; era sua nova vizinha e viera também da cidade grande. Viera até ali para lhe comprar alguns pés de alface. Ao se despedir, observando as mãos sujas de terra da professora, recomendou: Você, uma mulher linda e com as unhas tão sujas de terra, por que não te cuidas? Se quiseres eu te levo até a cidade e te apresento meu manicure e podemos ver também esses teus cabelos...dar-lhes um trato. Desculpa-me, mas precisas te cuidar um pouco.
    A professor agradeceu e sorriu, continuando com sua tarefa e amor as flores e hortaliças, cercada pela admiração dos vizinhos que constantemente estavam por perto. Distribuía gratuitamente suas flores, suas verduras e seus frutos em abundância.

     Algumas semanas depois a mesma mulher, o mesmo carro. Venho buscar alface!

A gentil aposentada então lhe disse: Não cuido mais de alfaces, cuido das minhas unhas.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: Se você não é nosso(a) seguidor(a) e deseja deixar uma mensagem, escolha abaixo "Comentar como ANONIMO" e clique em PUBLICAR.

Escreva seu comentário abaixo: