terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

REENCONTRO

  1. REENCONTRO.
    O mundo nos surpreende com curvas tantas,
    Foi na esquina das esperas que te encontrei,
    Onde as flores mais puras não envelhecem,
    E amor bastante que sustém o que sonhei.

    Ardente instante de anseios irrefreáveis,
    Pintam-se matizes em preciosa tela,
    Rosto de quem por minha ausência chora,
    Fazer-te em doçuras e por extremo bela....

    Fizeste-me ao chegares tão lindos gestos,
    No silêncio dos olhares nos confessamos,
    E foi tão grande em mim aquele instante!...

    Entregamos-nos como dois adolescentes;
    Felizes, e com teus lábios os meus tocavas,
    Tão caladamente, mas férvidos amantes.

    egê- SP – do livro poeira e flor vol II

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: Se você não é nosso(a) seguidor(a) e deseja deixar uma mensagem, escolha abaixo "Comentar como ANONIMO" e clique em PUBLICAR.

Escreva seu comentário abaixo: