domingo, 5 de junho de 2011

O ACONCHEGO

A ida, a estrada, o olhar perdido, a busca, um fardo de sentimentos, a paciencia nos meus passos, uma falsa certeza, incertos momentos, uma musica no assobio que me distrai, uma severa sina a cumprir, um amor enraizado no peito,um coração dilacerado, saudades antecipadas, a distancia, o medo. Noites mal dormidas, a ressaca, a sede, um best seller de páginas roidas debaixo do braço, uma velha guitarra calada, chumaços de recordações, o fastio, o peito latejante, o corpo emperrado e trêmulo, a voz ofegante, o vazio da alma, o arrependimento,. A dúvida, o amor distante, a carência, a volta, o abraço, o aconchego.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: Se você não é nosso(a) seguidor(a) e deseja deixar uma mensagem, escolha abaixo "Comentar como ANONIMO" e clique em PUBLICAR.

Escreva seu comentário abaixo: