domingo, 5 de junho de 2011

NAMORAR.


NAMORAR...

Namorar!...Hummmmm!....
Namorar é de tudo o mais doce que há,
Tem cara de lua nova e o gosto de beijos serenados.
E o perfume do sonhar.
Namorar tem sensação de brisa sem rumo,
Sem ter a pressa de chegar.
De palavras que se escondem em mil segredos,
Com o hálito de novas descobertas.
namorar tem o sabor selvagem das alfombras umidecidas
e a sensação da viagem sem volta,
A cor da paixão presa em dois olhares.
Namorar é sentir o silencio dos deuses e a
magnitude do paraiso.
È sentir o gostinho único do pecado.
È se sentir um príncipe, um escravo e um diabo sem freio.
Tem a mansietudeda noite de lua cheia
E a brandura do fogo de candeia...
Namorar é da cachaça a sua essência
e dos momentos a aguardência.

do livro poeira e flor volII

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: Se você não é nosso(a) seguidor(a) e deseja deixar uma mensagem, escolha abaixo "Comentar como ANONIMO" e clique em PUBLICAR.

Escreva seu comentário abaixo: